Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

Proêmio Sobre a Criação

Houve um tempo em que não existia nem céu, nem terra e nada era senão o vazio – também chamado de águas primevas –, sem limites, a mais densa escuridão. Para esta condição a consciência do ser humano deu o nome de Nut, algo sem tempo e nem espaço, nem profundidade ou altura, e sua duração superaria qualquer contagem de tempo ou qualquer coisa que possa ser concebida. Apesar de ser vazio, ali existia o cerne de todas as coisas que mais tarde, vieram a existir e que ainda virá existir neste mundo ou neste universo e em todos os outros mundos e universos. Este estado de não manifestação era algo próximo ao Amor, mas não se prendam no que acreditam que possa ser isto, pois está muito além de qualquer compreensão. Nut dormia em seu Amor, mergulhada em si mesma, completa em si mesma.Por fim, seu Amor gerou um despertar de sua apatia e ela sentiu Vontade de manifestar este Amor. Para esta condição a consciência do ser humano deu o nome de Nu, e ela que era toda feminina em essência, se conto…