Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2013

A Dualidade, a Unidade e o Vazio

Sérgio Bronze
Eu vislumbro a dualidade de todas as coisas e como elas se complementam e se tornam perfeitas e dignas. No entanto, eu também percebo que buscamos um ou outro de acordo com a insanidade que nos habita e é por isso que a dualidade é vista como uma terrível ilusão, por muitos. Estas coisas não estão em constante conflito, como diriam, porém somos nós, os observadores, que jogamos estas coisas umas contra as outras. Estas coisas quando em Harmonia permanecem em silêncio e imutáveis.
Assim, quando a dualidade está em Harmonia, que é apenas o complemento silencioso e imutável, elas são a unidade da Natureza ou a Irmandade que fazem os opostos serem iguais. Neste momento todo conflito deixa de existir. A unidade nada mais é do que a união de três elementos, diferentes em natureza, em perfeito equilíbrio ou ajustamento. A unidade pode ser atingida quando deixamos de agir a favor de algo em detrimento de outro. A Unidade é real quando aprendemos a respeitar o movimento natu…